Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"Finesse"

por PR, em 16.12.16

Há aqui Stevie Wonder. Michael Jackson. Chic. Kool & The Gang. Há laivos de boysband dos anos 90, até há uma balada produzida por Babyface. Há Barry White. E Prince. Um cocktail explosivo de funk, um groove que faz com que, de repente, pareça existir esperança para a pop que virá. Bruno Mars é um caso único de um performer capaz de fazer música muito boa e ser unânime, mesmo entre aqueles que não apreciam: têm de respeitar o trabalho deste pequeno geniozinho. As letras são malandras e espertas, têm dentro todo o mundo em que nos movemos, as redes sociais, por exemplo, invocadas muitas vezes.Há sexyness por todas as canções, e um ambiente descomprometido de festa que transformam estes disco em algo muito especial.

Grande malhas, para ver ao vivo, um dia destes. Bruno Mars, um pequenino em grande, num dos melhores discos que a pop nos deu nos últimos anos. Vai ficar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Imagem de perfil

De Madalena a 05.01.2017 às 10:45

Cheio de bling bling, este vídeo... :D Porque às vezes uns "brilhos" também fazem falta...

Feliz Ano Novo! Fortíssimos... ;)

Comentar post