Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dias úteis

por PR, em 13.12.17

Quando a minha filha Mafaldinha me surpreende, comentando que anda a ouvir uma música com uma letra incrível, e que eu devo conhecer.. E saca do telemóvel e põe a tocar no carro, ao meu lado, o extraordinário, e lendário, "2º andar direito", do Sérgio Godinho. E vamos os dois pela A5 a cantar. E, depois, Jorge Palma, e Rui Veloso, e ela sabe, como eu, as palavras todas, e sorrimos, cúmplices, com as linhas e entrelinhas das letras. Deixo-a em casa e venho tão feliz, no carro, a pensar que esta miúda é um tesouro e no bom que é ela dar valor a estas canções e a tudo o que elas vêm melhorar na nossa vida.

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De sarabudja a 18.12.2017 às 10:03

Que bom que é quando as canções também nos aproximam dos nossos.
A palavra, cantada, lida, dita e sempre sentida é património dos afetos e melhor caminho para enchermos os dias de sentido.

Comentar post