Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Rapariga no Comboio

por PR, em 06.09.16

 

Li o livro, nestas férias, e gostei muito. raramente acontece, mas acertei no assassino, e mais não digo, para não estragar a surpresa de quem está ou vai ler o livro.

A história passa-se em Inglaterra, nos arredores de Londres. Mas no filme atravessa o oceano e ganha outros cenários. Ainda assim, a coisa promete. 

"Todos os dias, Rachel apanha o comboio..".

 

image.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.09.2016 às 15:11

Ontem os meus olhos fixaram-se intensamente nesta capa enquanto eu observava a montra de uma papelaria. Acho que foi a cor verde que me atraiu, mas agora terei de descobrir mais...

Acertar no assassino é bom!... :D Às vezes percebo claramente como nem todos somos Madres Teresas... Ela conseguiria sentir compaixão por todos os Seres. Eu, por minha vez, nos últimos tempos sinto muita pena que ainda não tenha sido inventada a máquina do tempo, para poderem enviar-se de volta à pré-história (da qual nunca deveriam ter saído) todas as pessoas que andam a conduzir selvaticamente e acham que a velocidade a que anda o carro da frente deve ser determinada pela pressa deles... Na minha furgoneta :P mando eu...

Sem imagem de perfil

De Ana Silva a 13.09.2016 às 11:49

Adorei esse livro.

Recomendo-lhe " A viuva" da Fiona Barton. Fascinante, também.
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 06.04.2017 às 23:00

Desta vez foi a minha vez de ler e postar sobre ele. O próximo passo é ver o filme. Concordo com o que escreveste. Gostei, mas não adorei!

Não arrisquei no assassino, mas gostei do enredo!

Comentar post